Vinho no verão: conheça a sangria!

Hoje eu vim aqui falar pra vocês que passei muitos anos da minha vida cometendo um grande, um enorme, um horrível erro.

Sim, eu só tomava vinho no inverno. Eu ficava triste quando chegava o verão, pois era desolador pensar nos longos meses que eu passaria sem vinho até que os dias frios voltassem e me trouxessem de volta o prazer que só um bom vinho nos dá. Mas um dia, um amigo voltou de Portugal com uma receita inovadora que mudou minha vida pra sempre!

Se você, assim como eu, costuma associar vinhos com inverno, se pensa que o verão não tem nada a ver com vinhos, se fica triste quando as temperaturas começam a esquentar pois não vai mais convidar a paquera pra um jantar romântico com vinho… hoje eu vim aqui pra te ajudar a desconstruir esse paradigma!

sangria

Além dos espumantes e rosés, que são levíssimos e vão muito bem com um dia de sol na beira do mar, se você gosta mesmo é de um vinho tinto: HAVE YOU HEARD ABOUT THE MIRACLE OF SANGRIA?

Simples e refrescante, sangria é um drinque de vinho com frutas frescas, gelo e açúcar! Ele é muito consumido no Sul da Europa, mas sua origem ninguém sabe dizer ao certo. Especula-se que seja de origem plebéia no Sul de Andaluzia (alô gazpachos! O sul da Espanha é origem de várias versões refrescantes de comidas tipicamente quentes <3) e esteja associado às touradas, por isso o nome sangria, que significa derramamento de sangue.

É uma bebida extremamente típica na Espanha e se parece bastante com nossa caipirinha: uma bebida muito tradicional mas que também é versátil, comportando muitas variações da receita sem perder a sua essência.

Em Portugal, por exemplo, é muito comum a sangria levar canela e todo tipo de ervas aromáticas, como hortelã, manjericão e até rúcula! Já na Espanha, ela é tão diversa que é costume dizer que cada família tem a sua própria receita de sangria! Um ponto muito comum entre elas é o acréscimo de soda e licores.

Geralmente feita num jarro, é uma ótima pedida pra festas, pois deve ser preparada com certa antecedência e é fácil de fazer em grande quantidade, assim ninguém perde a festa fazendo drinks o tempo todo.

O segredo pra uma boa sangria é escolher bem as frutas que irão harmonizar com o vinho escolhido. As frutas precisam estar frescas, e é bom que sejam levemente amassadas antes, para que o vinho penetre melhor nelas e elas soltem mais o seu sabor. O tempo também é importante, é preciso fazer o drink com pelo menos 2 horas de antecedência, para que o vinho pegue o sabor das frutas, mas não pode ser feito de um dia pro outro, por exemplo, se não as frutas oxidam e podem ficar feias.

Agora que você já conhece a sangria e seus segredos, é só escolher a variação que mais te agrada e aproveitar muito as altas temperaturas do nosso país!

FotorCreated

Receita:

  • 1 garrafa de vinho tinto seco gelado
  • 1 xícara de chá de suco de romã
  • 1 xícara de chá de suco de laranja
  • 2 xícaras de morango
  • 1 xícara de chá de amoras
  • 1 xícara de refrigerante de limão gelado
  • ¾ copo americano de uvas sem semente congeladas
  • Folhas de hortelã
  • Mel à gosto

Misture o vinho tinto, suco de romã e laranja frescos, morangos, amoras e mel em um grande jarro. Feche e leve à geladeira por no mínimo 2 horas. Na hora de servir adicione o refrigerante de limão e as uvas congeladas no jarro. Sirva em copos decorados com fatias de laranja e ramos de hortelã.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s